aajogo -De acordo com a pesquisa Datafolha divulgada no último sábado (1º), 80% dos entrevistados acr

Lula se posiciaajogo -ona contra aumento de juros

De acordo com a pesquisa Datafolha divulgada no último sábado (1º),aajogo - 80% dos entrevistados acreditam que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está agindo corretamente em relação à taxa de juros estabelecida pelo Banco Central (BC). Somente para 16%, o mandatário age mal.

Continua após publicidade

Entre os entrevistados que ganham até dois salários mínimos (R$ 2.604), o percentual de apoio ao presidente é o maior quando o assunto é taxa de juros: 85% concordam com o petista. Também há apoio expressivo entre aqueles que têm somente o ensino fundamental (84%), os desempregados (91%) e os entrevistados que se declaram pretos (84%). O apoio diminui entre aqueles que têm ensino superior (24%), os empresários (28%) e entre os que se declaram brancos (19%).

:: Tudo sobre o novo arcabouço fiscal em 25 perguntas e respostas::

Desde que assumiu a Presidência da República, Lula tem desferido críticas públicas ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, e a outros integrantes da instituição devido à manutenção da taxa de juros, a Selic, em 13,75% ao ano.

O índice é considerado um dos maiores em todo o mundo e dificulta empréstimos para investimentos no país e, consequentemente, geração de renda e emprego, além de prejudicar o pagamento de dívidas.

:: Nova regra fiscal agrada mais aos analistas de mercado que a economistas progressistas ::

Desde setembro do ano passado, a taxa tem se mantido em 13,75%, depois de ter alcançado esse patamar por meio de 12 altas consecutivas. O argumento de Campos Neto é o controle da inflação, baseado em decisões técnicas. Para Lula e economistas como André Lara Resende, no entanto, a inflação brasileira não é decorrente do aumento de demanda, mas de problemas na oferta.

Sobre a taxa de juros, 71% dos entrevistados responderam que a Selic está acima do aceitável. Mesmo entre aqueles que se disseram apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que indicou Campos Neto ao BC, 77% afirmam que os juros estão mais altos do que deveria.

:: Arcabouço Fiscal: Haddad apresenta novas regras da Economia para substituir o Teto dos Gastos::

Edição: Vivian Virissimo


Relacionadas

  • Tudo sobre o novo arcabouço fiscal em 25 perguntas e respostas

  • Arcabouço Fiscal: Haddad apresenta novas regras da Economia para substituir o Teto dos Gastos

  • Entenda a disputa para reformar o Carf, que pode decidir o destino de R$ 70 bilhões por ano

BdF

  • Quem Somos

  • Parceiros

  • Publicidade

  • Contato

  • Newsletters

  • Política de Privacidade

Redes sociais:


Todos os conteúdos de produção exclusiva e de autoria editorial do Brasil de Fato podem ser reproduzidos, desde que não sejam alterados e que se deem os devidos créditos.

Visitantes, por favor deixem um comentário::

© 2024.cc777sitemap